Observatório

PMT define etapas para implantação de tecnologias para transporte público

O objetivo é finalizar a construção dessas ferramentas até o mês de novembro

13/10/2021 12h06
Por: Redação Piauí 224
Fonte: Prefeitura de Teresina
Foto: Divulgação (Semplan)
Foto: Divulgação (Semplan)

A Prefeitura de Teresina iniciou nesta terça-feira (12), uma maratona de encontros para tratar do #DesafioMoveTeresina: Observatório do Transporte. O objetivo é discutir e alinhar o desenvolvimento de ações pra uma efetiva implementação de projetos voltados para tecnologia, com o desenvolvimento de ações para melhorar a gestão do transporte público na cidade. Entre as pautas desta terça-feira, esteve as ações de comunicação e prazos de finalização dos protótipos para aplicação no sistema.

Três grupos foram selecionados e recebem apoio especializado, treinamentos e suporte financeiro para o desenvolvimento de protótipos dessas soluções tecnológicas. Os grupos atuam com ‘Solução digital para manutenção das frotas de ônibus pelos motoristas em contato direto com as garagens da empresa’; ‘Sistema que visa a organização e otimização de rotas dos ônibus’; Sistema de gestão de indicadores de qualidade para auxiliar na tomada de decisões pelos gestores’.

O objetivo é finalizar a construção dessas ferramentas até o mês de novembro para que possam ser apresentadas a população. O Observatório do Transporte é coordenado pela Agenda Teresina 2030, departamento da Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação (Semplan), que tem como um dos parceiros a Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD), além do consórcio Systra/Unifor e a Despacio, como consultores no desenvolvimento do projeto. Esses parceiros também estão presentes nessa maratona de reuniões com a Prefeitura de Teresina.

“Os encontros voltados para o Desafio #MoveTeresina, tem como principal objetivo discutir o progresso das equipes no desenvolvimento dos projetos e o levantamento de informações para decisões estratégicas até o processo de implementação. Tudo isso para que tenhamos efetivadade na construção dessas ferramentas e elas possam ser plenamente aplicadas no município”, explica Cinthia Bartz, coordenadora do departamento Agenda 2030.

A reunião contou com a participação do Secretário Executivo de Comunicação, Salomão Prado, para a explanação das possibilidades de abordagem dessas ferramentas de gestão no transporte do município. “Nosso objetivo nessa conversa com os parceiros de consultoria desse projeto é trazer uma maior transparência para a população e que este público alvo possa ter uma melhor compreensão desse projeto e entenda o que está sendo implementado para melhorar esse serviço”, finalizou.

Nesta terça-feira (13), a Prefeitura de Teresina, membros da Agência Francesa de Desenvolvimento (AFD), além do consórcio Systra/Unifor e da Despacio, continuam reunidos para discussão sobre os três projetos em desenvolvimento.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias